Gelado Cheesecake de Mirtilio

Mais um gelado, porque estamos no Verão e queremos alimentos frescos para nos refrescar assim o diz, e eu concordo, Jocelyn Delk Adams a autora desta receita. Nada melhor que chegar a casa, abrir o congelador e….ali está ele, pronto para pôr dentro de uma tigela ou waffle ou………enfim, saborear!

Este tem a vantagem de não precisar da máquina dos gelados e ser rapidíssimo de fazer. Usei mirtilios porque além do sabor, depois de ficarem amolecidos na calda de açúcar e sumo de lima, vão  dar uma cor fantástica ao gelado. IMG_2257

Para lhe dar o sabor de cheesecake, juntei creme de queijo, adocei com leite condensado e acrescentei leveza batendo umas natas ,  incorporando nos outros dois elementos.

Por fim para lhe dar a textura do cheesecake juntei bolachas digestivas partidas.

E voilá, quando o gelado sair do congelador estará a comer um cheesecake de mirtilio. Hum, uma delicia!!!!IMG_2319-2

Receita

Ingredientes

Calda de mirtilios

  • 335g de mirtilios
  • 3 colheres de sopa de açúcar
  • 3 colheres de sopa de sumo de lima

Gelado

  • 1 embalagem de queijo creme á temperatura ambiente
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 colher de sopa de extracto de baunilha
  • 500g de natas para bater
  • 200g de bolachas digestivas partidas grosseiramente

Preparação

  1. Numa panela deitar os mirtilios, o açúcar e o sumo de lima e deixar ferver em lume médio. Baixar o lume e deixar ferver mais 5/7 minutos, até os mirtilios ficarem macios e a calda ficar ligeiramente mais grossa.
  2. Retirar do lume deixar arrefecer e colocar no frigorífico para arrefecerem completamente.
  3. Para o gelado: Colocar o creme de queijo na batedeira e bater em velocidade média alta até o queijo ficar cremoso. Diminua a velocidade para o mínimo e acrescentar o leite condensado e o extracto de baunilha até ficar tudo muito bem misturado. Reservar numa tigela funda.
  4. Bater as natas até ficarem fofas e grossas “chantilli” e com uma espátula cuidadosamente incorporar no preparado do queijo creme.
  5. Deitar a calda dos mirtilios mas não misturar muito, para que a mistura continue branca colorida com os mirtilios. Se misturar muito corre o risco de a mistura ficar colorida por igual com a cor da calda de mirtilios.
  6. Para congelar: faça camadas alternadas de creme de queijo com mirtilios e bolachas digestivas. Levar ao congelador no mínimo 5-7 horas. Preferencialmente uma noite até ao outro dia.

IMG_2323-2

Beijos e Abraços

Ana

Anúncios

Bolo gelado de Cereja

Com a entrada do Verão, cada vez mais ,vai apetecendo coisas frescas para fazer face ao calor. Comecei a época com um gelado de amora com pedaços de chocolate que podem espreitar aqui e aproveitando a época da cereja adaptei este bolo gelado que descobri na Sally.  Um combinado de doce leve de fruta + natas batidas + bolachas digestivas ,mais simples que isto não há. A minha última iguaria para colocar na mesa da Marta no seu ingrediente do mês d4bbd-cherry_1

IMG_2137-2

O doce de cereja é fácil de preparar e até pode fazer quando lhe der mais jeito e guardar no frigorífico. Consiste apenas em cerejas descaroçadas, água, açúcar um pouco de amido de milho para engrossar  o doce e sumo de limão. Quando engrossar um pouco tira do lume e deixa arrefecer.IMG_2119-2 As natas além do açúcar também levam um pouquinho de sumo de limão e raspas da casca do mesmo. 


Para as camadas começamos por colocar um pouco de natas batidas no fundo da forma forrada só para as bolachas ficarem coladas, depois as bolachas,natas batidas, doce de cereja,natas batidas,bolachas, natas batidas, doce de cereja, natas batidas, bolachas e terminamos com natas batidas.

Cobrirmos o bolo com a película aderente que deixámos a mais quando cobrirmos a forma-  é muito importante deixar pelicula a mais para quando o bolo estiver gelado o podermos tirar da forma para servir- e levamos ao congelador algumas horas ou de noite até de manhã.
IMG_2142-2

Quando servirmos convém deixar uns 15 minutos á temperatura ambiente.

Bom apetite!

Receita – 10 fatias – forma rectangular “bolo inglês”

Ingredientes

Doce de cereja

  • 450g cerejas descaroçadas
  • 50 de açúcar
  • 2 colheres de chá de amido de milho
  • 2 colheres de chá de sumo de limão
  • 1 colher de sopa de água

Bolo

  • 1 pacote de bolachas digestivas
  • 500g de natas para bater 35% gordura
  • 40g de açúcar em pó
  • 1 colher de sopa de sumo de limão

Preparação

  1. Numa panela deitamos as cerejas e o açúcar levamos ao lume mexendo até as cerejas começarem a amolecer e libertar o sumo +/- 3 minutos. Entretanto numa tigelinha juntamos o amido de milho com a água e o sumo de limão até o amido se encontrar dissolvido. Deitar sobre as cerejas continuando a mexer e pode também esmagar algumas cerejas, mais uns 2 ou 3 minutos. Por essa altura a mistura já deve ter engrossado um pouco, tirar do lume e deixar arrefecer. Se estiver com pressa pôr no frigorífico para arrefecer rapidamente.
  2. Numa forma rectangular, forrar com película aderente deixando a mais nos lados (para facilitar quando for desenformar).
  3. Bater as natas com o açúcar o sumo e raspas de limão até engrossar e formar picos, tendo o cuidado para não bater de mais*
  4. Montar o bolo: espalhar uma camada fina de natas batidas no fundo da forma. Colocar uma camada de bolachas digestivas. Espalhar cerca de 1dl+1/2 de natas batidas por cima. De seguida colocar metade do doce de cereja no cimo voltar a espalhar mais 1dl+1/2 de natas e outra camada de bolachas digestivas, 1dl+1/2 de natas e o resto do doce de cereja, mais 1dl+1/2 de natas e a ultima camada de bolachas digestivas. Cobrir com o resto das natas batidas. Tapar com a película aderente e levar ao congelador durante algumas horas ou durante a noite.

Nota: Antes de bater as natas costumo colocar o batente no congelador por alguns minutos.

IMG_2145-2

Beijos e Abraços

Ana

Gelado de amora com pedaços de chocolate

Finalmente abri a época dos gelados. Há já algum tempo que tinha a cuba da máquina dos gelados guardado no congelador, até que vi esta receita no blog Christina Lane e decidi dar-lhe uso. O gelado pode-se fazer com a máquina de gelados ou com um bocadinho mais trabalho sem. De qualquer das maneiras maneira vale a pena. Digam lá se não sabe bem ter em casa um gelado, quando nos apetece e ainda por cima feito por nós à nossa medida?!

Começamos por fazer uma compota com as


Juntamos as natas e o leite 

as gemas temperadas, passamos para uma tigela e levamos ao frio pelo menos 4 horas.

Eu fiz a base enquanto preparava o jantar e deixei no frigorífico até ao outro dia. Parte o chocolate aos bocados a gosto, no nosso caso preferimos mais pequenos. Colocar a base na máquina dos gelados e seguir as instruções, perto do fim deitar o chocolate 


Bom apetite!

Receita

Ingredientes

  • 350g de amoras
  • 160g de açúcar
  • 280g de natas
  • 160g de leite gordo
  •   5 gemas de ovo
  • Sumo de um limão
  • 100g de chocolate preto partido

Preparação

  1. Leve ao lume as amoras com o açúcar e quando começar a ferver abaixe o lume, esmague as amoras e deixe cozinhar mais 5 minutos.
  2. Deitar o sumo de limão, o leite e as natas e deixe cozinhar Só até começar a ferver e apague o lume.
  3. Entretanto coloque as gemas numa tigela e comece por juntar às gemas 2 colheres de sopa da mistura das amoras e mexa bem e novamente acrescente mais duas e mexa. Và repetindo o processo até as gemas estarem mornas, quando isso acontecer pode deitar o resto da mistura. *
  4. Tape e leve ao frigorífico a esfriar pelo menos 4 ou durante a noite.
  5. Retire do frigorífico e podemos fazer de 2 maneiras: 1– máquina de gelados – coloca a mistura na máquina e segue as suas instruções,quase no fim, junta os bocados de chocolate. Transfere a mistura para um recipiente que leva ao congelador. 2 –manualmente – Depois de retirar do frigorífico, ponha a mistura num tabuleiro 20×20 e polvilhe por cima o chocolate. Ponha no congelador e a cada 30 minutos bata com a batedeira até a mistura ficar fofa.
  6. Após 2 horas a mistura já deverá ter uma consistência cremosa mas ainda um bocadinho mole. Ponha no congelador até ficar firme. Antes de servir deixe fora do congelador pelo menos 5 minutos


 


Nota: 

*  o que estamos a fazer no passo 3 chama-se temperar as gemas. Se colocamos a gemas sem serem temperadas primeiro corremos o risco de as gemas cozerem e transformarem-se em ovos mexidos.

Beijos e abraços 💋