Tarte de tomate e requeijão 

Olhei para dois tomates já demasiado maduros para a nossa habitual salada e tive logo a imagem de uma receita de tarte que tinha folheado há dias . Voltei à receita  verifiquei que tinha o resto dos ingredientes e não pensei duas vezes: vamos a isto, vai ser hoje o nosso jantar!

E não me arrependi, uma refeição rápida cheia de sabor que me dispôs bem o resto da noite. Por essa razão resolvi partilhá-la aqui no blog. Depois de uns pequenos ajustes cá vai a receita.

Receita- 4 pessoas-tarteira funda 25cm

Ingredientes

Massa

  • 250g de farinha
  • 1/2 dl de azeite
  • 1 ovo
  • sal qb
  • 90ml água fria

Recheio

  • 2 tomates maduros cortados em fatias
  • 1 requeijão
  • 50g de miolo de noz picado
  • 6 folhas de manjericão
  • 4 ovos
  • 300g de natas
  • sal, pimenta e noz-moscada q.b

Preparação

  1. Num copo grande por gelo e água;
  2. Colocar as fatias do tomate num passador a escorrer. Fazer o mesmo com o requeijão;
  3. Preparar a massa: eu fiz no meu robot de cozinha, mas também pode fazer com as mãos. No robot de cozinha colocar a farinha, o sal o azeite e o ovo misturar até a massa ficar com aquele aspecto de areia- no meu robot (bimby) 15s/vel5- Com o robot a trabalhar na velocidade 5 deitar os 90ml de água aos poucos até a massa ficar maleável e bem ligada.
  4. Numa bancada enfarinhada tenda a massa com um rolo de cozinha e forre com ela a tarteira.
  5. Recheio: dispor as fatias de tomate no fundo da tarte e o requeijão esfarelado. Polvilhe com o miolo de noz e as folhas de manjericão picadas grosseiramente. Misture os ovos com as natas, o sal, pimenta e noz moscada. Verta na tarteira e leve ao forno pré-aquecido 170C durante +/- 30 minutos. Retire do forno e sirva.

Beijos e abraços!

 Tarte de nectarinas e frutos vermelhos

Cobbler é o seu nome verdadeiro. Quando andei à procura da tradução, encontrei na Wikipedia um artigo que explica que é um prato que se faz na Inglaterra e na América do Norte, consistindo em colocar fruta ou um guisado numa forma funda que vá ao forno e por cima massa de tarte ou biscoito de forma redonda. Quando vai ao forno a massa fica douradinha e o recheio da fruta a borbulhar por baixo. Acrescenta o artigo que o  Cobbler vem dos tempos dos colonos ingleses na América.IMG_1769-2

Passando à sua execução, é uma sobremesa fácil e rápida de se fazer, 50 minutos já com o tempo de forno. Eu gosto muito de a fazer com os frutos de verão, desde morangos, pêssegos, nectarinas, ameixas e podemos misturà-los, é uma óptima sobremesa para aproveitar frutos que por vezes já estão maduros demais para comer.IMG_1750-2

Esta tem um ingrediente especial, cerveja de frutos vermelhos, que foi acrescentada á massa de biscoito ,e ao recheio.

IMG_1752-2
cerveja borrifada em cima da fruta com o açucar, o amido de milho e a canela

Não esquecer a regra que a manteiga tem que estar fria quando misturada com a farinha e depois de misturada com os ingredientes líquidos tem que ir ao frio.

 

 Depois de tirada do frigorífico com o recheio já dentro da “tarteira funda”estender a massa com +/- 1cm de espessura, cortar rodelas e colocá-las em cima do recheio. IMG_1758-2

Desta vez fiz rodelas mais pequenas e preenchi os espaços vazios com o resto da massa. Pessoalmente como efeito visual, gosto mais de vê-la preenchida com rodelas maiores. Fica ao critério de cada um.

Quando sai do forno deixamos arrefecer um pouco e servimos. Nós cá em casa gostamos com uma rodela de gelado por cima

IMG_1770IMG_1772-2

Bom apetite!

Receita 6 a 8 pessoas (tarteira funda de 20/22cm)

Ingredientes

Para a massa biscoito

  • 80g de açúcar
  • 310g de farinha55 sem fermento
  • 1+1/2 colher de chá de fermento
  • metade de 1/2 colher de chá de sal
  • 1 gema de ovo
  • 1 colher de chá de extrato de baunilha
  • 110g de cerveja de frutos silvestres
  •  40g de leite em pó
  •  90g de manteiga sem sal fria

para o recheio

  • 150g de açúcar
  •  40g de amido de milho
  •  1 colher de chá de canela em pó
  •  5 nectarinas descascadas e cortadas em cubos
  •  100g de mirtilios ou outros frutos vermelhos ou mistura
  • 110g de cerveja de frutos silvestres
  • raspa de um limão

Preparação

  1. Ligar o forno a 180ºC;
  2. Numa tigela grande colocar a farinha, o açúcar, o fermento e o sal. Deitar os quadrados de manteiga e com os dedos ou o robot de cozinha misturar até  a mistura ficar granulada como se mostra na figura;
  3. Noutra tigela misturar a cerveja, gema de ovo, extrato de baunilha e o leite em pó. Deitar na mistura da massa com a manteiga e juntar todos os ingredientes até formar uma bola; Colocar no frigorífico enquanto prepara o cheio;
  4. Na tarteira funda colocar a fruta, espalhando-a por toda a forma;
  5. Numa tigela pequena, combinar o açúcar, amido de milho, a canela e a raspa do limão; polvilha por cima da fruta; seguidamente borrife a cerveja;
  6. Tire a massa do frigorífico e numa bancada com farinha estenda a massa com +/- 1 cm de espessura e corte rodelas para colocar em cima da mistura da fruta, até cobrir;
  7. Coloque no forno até a massa ficar dourada e a fruta a borbulhar em baixo +/- 20 minutos. Retire do forno deixe arrefecer um pouco e sirva.IMG_1763-2

Beijos e Abraços!

 

Bakewell Tart

Mais uma tarte, esta para participar no Sweet world das amigas Susana do blogBasta cheio  e a Lia lemon &Vanilla na sua 15ª edição.

Nesta edição foi proposto uma tarte inglesa de seu nome Bakewell nascida no século XIX, tendo como ingrediente principal a amêndoa e a framboesa, dois ingredientes que gosto bastante, se tiverem interesse em saber mais da história da tarte, leiam aqui.

Andei a pesquisar e encontrei uma receita do Paul Hollywood- um inglês especialista na arte do pão- a qual agradou-me bastante, arregacei as mangas e o resultado foi este.

Uma tarte fofa em que as framboesas acrescentam um sabor penetrante ao doce do frangipane.

Ingredientes

base:

  • 200g de farinha 55 sem fermento
  •  2 colheres de sopa de açúcar em pó
  • 100 gramas de manteiga sem sal fria, cortada aos quadrados*
  • 1 ovo
  • 1 colher de chá de sumo de limão
  • 2/3 colheres de água gelada*

recheio de frangipane

  • 100g de manteiga sem sal temperatura ambiente
  • 100 g de açúcar
  • 2 ovos
  • 50g de farinha55 sem fermento
  • 75g de farinha de amêndoa/amêndoa ralada
  • 1 gota de extrato de amêndoa
  • 100g de doce de framboesa caseiro ou de compra*
  • 100g de framboesas
  •  40g de raspas de amêndoa

equipamento

  • 1 forma de tarte rectangular 36X11cm de fundo movível ou 1 forma de tarte redonda de 23cm

Modo de fazer

base

  1. numa tigela misturar a farinha e o açúcar em pó. Juntar a manteiga trabalhando com as pontas dos dedos até obter uma massa solta, parecendo areia- trabalhar rápido para a manteiga não aquecer nas mãos. Misture o ovo, o sumo de limão e 2 colheres de sopa de água gelada. Deite essa mistura na massa e junte, a massa deve descolar dos dedos, numa bola. Embrulhar em película aderente e levar ao frio durante 15 minutos. Aqueça o forno a 200Cº. Estenda a massa com um rolo com a espessura de 3mm e enrole-a novamente no rolo e estenda na forma deixando um pouco do que sobra nos cantos e lados*. Colocar em cima da massa papel vegetal e encher com algo que faça pressão como ex: feijão, grão ou pesos próprios para o efeito. Não tendo à mão nenhum desses elementos pode picar a massa com um garfo. o objectivo deste procedimento serve para quando a massa for ao forno não formar bolhas. Leve ao forno  durante 12/15minutos, retire o papel vegetal e coza + 5minutos. Tire do forno e corte alguma massa que tenha ficado fora da forma. Baixe o forno para 180Cº

frangipane

  1. Bata a manteiga com o açúcar até a mistura ficar fofa e esbranquiçada, junte um o vo de cada vez. Adicione a farinha, a amêndoa ralada e o extrato de amêndoa.
  2. Espalhe o doce de framboesa no fundo da tarte já arrefecida e espalhe por cima as framboesas e seguidamente o frangipane numa camada uniforme. Leve ao forno 10 minutos. Ao fim desse tempo juntar as raspas de amêndoa e cozer mais 15minutos.
  3. Tirar do forno deixar arrefecer e se quiser polvilhar com açúcar em pó.

Bom apetite!

Notas:

  • A manteiga tem que estar muito fria, convém tê-la sempre no frio até utilizar. Geralmente começo sempre por tirar a manteiga do frio, cortar aos quadrados, por novamente no frio e só tirar quando for utilizar.
  •  Encho um copo com gelo verto água e assim quando precisar da água tenho a certeza de que a água está gelada.
  • Utilizei doce de compra sem açúcar adicionado
  • Quando forramos a tarteira com a massa convém não cortar o logo rente a massa que sobra porque no forno a massa encolhe um pouco.

IMG_1294-2

Beijos e abraços.

 

 

 

 

Mini tartes de ovo e bacon

Foi-me proposto um desafio: uma entrada com o ingrediente ovo. Lembrei-me destas mini tartes que tinha visto á tempos no livro de receitas “fast,fresh,simple”-Donna Hay.

De facto são como o nome indica rápidas e simples encaixando na perfeição naquele pequeno almoço de fim de semana mais tardio ou numa refeição rápida mas confortante. Basta ter à mão ovos, bacon, natas ácidas e salsa.

IMG_1334

Juntamos todos os ingredientes, deitamos numas formas, salpicamos com salsa picada e….forno com elas!!! No tempo de espera cortei umas fatias de pão, torrei-as e cortei-as aos quadrados para acrescentar aquela textura crocante ás minhas mini tartes.

E pronto cá estão elas acabadas de sair do forno tostadinhas, cheirando maravilhosamente.

Bom apetite!!!!

Mini tartes de ovo e bacon

Ingredientes:

  • 12 fatias finas de bacon
  •  6 ovos
  • 240g de natas ácidas*
  • 2 colheres de sopa de salsa picada
  • sal e pimenta

Instruções:

  1. Pré-aquecer o forno a 180cº. Unte 4 mini tarteiras com 12cm e forre  os lados e o fundo com 4 fatias de bacon;
  2. Numa taça bata os ovos, as natas e a salsa;
  3. Por a mistura de ovo nas mini tarteiras e colocar no forno +/- 25 minutos.

NOTA

  • Eu encontrei as natas ácidas no supermercado Jumbo ou no Aldi, caso não consiga encontrar pode substituir por créme fraîche ou natas para cozinhar.

Beijos e abraços

Ana

 

 

 

 

 

Tarte de Snickers

Chocolate, adoro chocolate seja ele branco preto de leite recheado,o que for,por isso não se admirem que vai haver muito chocolate por estas bandas!

Hoje trago uma tarte que vi na sallysbakingaddiction que os meus olhos brilharam e as minhas papilas gustativas começaram logo a salivar porque reunia dois ingredientes aos quais não consigo resistir: chocolate e caramelo. Uma combinação entre uma base crocante com amendoim salgado,recheada de caramelo e outra vez amendoim e coberta de chocolate com……+manteiga de amendoim!

 Cá em casa durou apenas 2 dias, para ser mais precisa dia e meio! Mas o melhor de tudo é que esta tarte faz-se num piscar de olhos, o que pode requerer um bocadinho mais de atenção será a base da tarte e o caramelo salgado, o qual deixo mais abaixo uma descrição mais pormenorizada com algumas fotos.

Aqui está o resultado final! Bonita Hem

Tarte de Snickers

Ingredientes:

base da tarte

  • 110g de miolo de amendoim salgado
  • 180g de farinha de trigo55 sem fermento
  •  40g de açúcar moreno
  • 115g de manteiga sem sal fria*
  •   3 colheres de sopa de água gelada*
  •   1 colher de chá de sal

recheio

  • 1 dose de caramelo salgado (receita abaixo)
  • 150g de miolo de amendoim salgado

cobertura

  • 225g de chocolate negro partido em bocados
  •  35g de manteiga de amendoim

decoração

  • uma embalagem de snickers em miniatura partidos a gosto
  • amendoim salgado partido
  • caramelo salgado

Instruções

  1. Base pré aquecer o forno a 180cº, moer os amendoins. Numa tigela misturar a farinha, os amendoins moidos, sal e o açúcar.
  2. Tirar a manteiga do frigorífico cortar aos quadrados e misturar á farinha, trabalhando com as pontas dos dedos até obter uma massa solta, parecendo areia- trabalhar rápido para a manteiga não aquecer nas mãos. Deite as 3 colheres de sopa de água gelada para juntar a massa. A massa deve descolar dos dedos. Tendo os dedos enfarinhados, colocar a massa numa tarteira de 22 ou 24cm, fazendo pressão até a massa estar igualmente distribuída pela forma. Colocar em cima da massa papel vegetal e encher com algo que faça pressão como ex: feijão, grão ou pesos próprios para o efeito. Não tendo á mão nenhum desses elementos pode picar a massa com um garfo. o objectivo deste procedimento serve para quando a massa for ao forno não formar bolhas.
  3. Pôr a massa no forno já aquecido durante +/- 18 minutos. Retirar e deixar arrefecer e entretanto ir preparar o recheio.
  4. Recheio misturar os amendoins – eu parti-os um pouco- com a dose de caramelo salgado, já feita e ligeiramente arrefecida e deitar por cima da base da tarte.
  5. Cobertura derreter em banho maria o chocolate com a manteiga de amendoim e espalhar por cima da cobertura de caramelo. Decorar com os snickers e amendoins.

DICAS 

  • Pode fazer esta receita antes do tempo havendo várias maneiras de o fazer. Pode preparar toda a sobremesa cobri-la bem com película aderente e deixar no frigorífico durante 3 dias. Tirar do frio algumas horas antes de servir para dar tempo ao caramelo ficar menos rijo.
  • Preparar a massa e depois de sair do forno, deixar arrefecer e guardar no frigorífico durante 2 dias.
  • Pode também fazer o caramelo salgado e guardar no frio durante 1 semana.
  • Por fim, pode fazer a tarte e congelar durante 3 meses. Quando quiser utilizar, descongelar durante a noite no frigorífico e deixar á temperatura ambiente até a altura de servir.

Notas

* A manteiga tem que estar muito fria, convém tê-la sempre no frio até utilizar. Geralmente começo sempre por tirar a manteiga do frio, cortar aos quadrados, por novamente no frio e só tirar quando for utilizar.

* Encho um copo com gelo verto água e assim quando precisar da água tenho a certeza de que a água está gelada.

Caramelo Salgado

Ingredientes

  • 200g de açúcar granulado
  •  90g de manteiga com sal temperatura ambiente cortada em 6 quadrados
  • 120ml de natas
  • 1 colher de chá de sal

Instruções

Num tacho colocar o açúcar e mexendo sempre deixar derreter até atingir a cor                  amber.

2.

Retirar o tacho do lume e acrescentar a manteiga com cuidado, porque a mistura vai         borbulhar e pode queimar, levar outra vez ao lume mexendo.

3.

Devagar acrescentar as natas mexendo sempre, deixando ferver um minuto. Retirar         do lume, e deitar a colher de chá de sal. Deixar arrefecer um pouco antes de utilizar

IMG_1069